Skip to main content
como acabar com azia

Como Acabar Com Azia

Compartilhe:

Como a azia é bastante incomoda, na tentativa de resolver esse problema rapidamente, é comum procurarmos maneiras de como acabar com azia.

Sensação de queimação que parece subir do estomago até a garganta. Esta é a azia. Problema comum que geralmente se intensifica após as refeições.

Muitas vezes os sintomas acabam melhorando, mas com o tempo voltam e mais fortes. Saiba aqui como acabar com azia.

Os sintomas mais comuns da azia incluem:

  • Sensação de ardor
  • Desconforto na parte superior do abdômen
  • Dor de estômago
  • Queimação que parece subir do estômago até a garganta
  • Regurgitação
  • Gosto amargo na boca
  • Náuseas
  • Peso no estomago

O que causa a azia?

como acabar com azia

A azia é causada principalmente por problemas digestivos, como o refluxo de ácido gástrico. Ou seja, a regurgitação do ácido presente no estomago responsável pela digestão dos alimentos para o esôfago.

Esse refluxo é causado pelo mau funcionamento esfíncter esofágico, uma espécie de válvula que controla a passagem do bolo alimentar do esôfago para o estômago. Quando o alimento passa, esse esfíncter se fecha para evitar a volta do alimento e a saída do suco gástrico.

Porém, quando essa válvula não funciona adequadamente, parte do suco gástrico atinge o esôfago, causando queimação, dor, gás e arrotos. Esse refluxo costuma piorar quando a pessoa deita ou se inclina.

Principais causas da azia:

  • Alguns alimentos e bebidas como álcool, café, chocolate, pimenta, alimentos gordurosos, frituras. Refrigerantes, entre outros.
  • Refeições muito grandes
  •  Estresse
  • Hérnia de hiato
  • Alguns medicamentos
  • Gravidez

Veja Também – Fórmula do Emagrecimento Definitivo

Como acabar com azia

Medicamentos que diminuem a produção de ácido e melhoram a motilidade, evitar alguns alimentos que agravam os sintomas, fazer refeições menores, perder peso e praticar atividade física são maneiras de como acabar com azia.

Cuide da alimentação

Evite alimentos que irritem o estomago, como por exemplo alimentos muito gordurosos, frituras, frutas ácidas, condimentos, embutidos.

Algumas verduras também devem ser evitadas por quem sofre de azia devido ao seu pH ácido. É o caso da couve, brócolis, repolho, rabanete, pepino e tomate.

Não passe muito tempo em jejum

Longos períodos em jejum aumentam as chances de ter azia. Coma de 3 em 3 horas refeições leves e pequenas.

Coma pequenas porções

Refeições grandes superlotam o estomago, aumentando as chances de o suco gástrico atingir o estomago e causar a azia. Por isso, prefira fazer refeições menores e não passar muito tempo com o estomago vazio.

 Evite se exercitar após as refeições

Exercícios físicos intensos após as refeições aumentam as chances de refluxo. Espere cerca de duas horas para praticar, isso porque durante esse período, ainda tem ácidos gástricos no estomago e movimentos podem fazer com que eles retornem ao esôfago.

Não tome leite gelado

Tomar um copo de leite durante uma crise de azia, diferente do que se pode pensar, pode até piorar a queimação. O leite tem Ph baixo, o que ajuda a NEUTRALIZAR O ph do estomago. Porem esse alivio é temporário. O leite é rico em cálcio, mineral que estimula a produção de ácido gástrico.

Evite tomar café após as refeições

O hábito de tomar café após a refeição deve ser evitado por quem sofre de azia, isso porque a cafeína relaxa o esfíncter esofágico.

Controle o peso

O excesso de peso faz com que o estomago fique mais pressionado, aumentando as chances de relaxar o esfíncter e o ácido gástrico sair em direção ao esôfago.

Evite a ingestão de líquidos durante a refeição

Bebidas gaseificadas “estufam” o estômago, o que pode forçar os ácidos digestivos em direção ao esôfago.

Evite se deitar após as refeições

Deitar ou curvar-se facilita o refluxo gástrico, por isso, aconselha-se que quem sofre de azia permaneça sentado por pelo menos uma hora após as refeições antes de deitar-se.


Compartilhe:

2 thoughts to “Como Acabar Com Azia”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *